LUTA POR LIBERDADE

Luiz Gama, o abolicionista que sonhou um Brasil livre

O escritor e advogado não viu concretizados os marcos pelos quais tanto lutou, mas ousou sonhar um Brasil sem reis e escravos



Poeta, advogado, jornalista e um dos mais reconhecidos abolicionistas do país, Luiz Gama utilizou o dom da palavra para lutar pela sua liberdade e pela de outras centenas de escravizados no fim do século 19. 

Sua história é quase um enredo de filme: filho de um homem branco com uma ex-escravizada africana – a qual algumas fontes (e o próprio Gama) apontam que seria Luiza Mahin, figura de aura mítica, ligada à Revolta dos Malês e cuja história foi romanceada no livro Um Defeito de Cor, de Ana Maria Gonçalves – nasceu livre, mas foi entregue à escravidão ainda na infância, pelo próprio pai. Autodidata, aos 17 anos readquiriu a liberdade judicialmente. Anos mais tarde, tornou-se jornalista, escreveu poemas satíricos e especializou-se em batalhar pela liberdade de escravizados ilegalmente, libertando mais de 500 pessoas.

No e-book a seguir, um dos nove que serão publicados ao longo do mês de novembro em Nova Escola BOX na coleção Pensadores Negros, você conhecerá mais de perto esta figura incrível. Clique no botão para fazer o download, abrir e salvar no seu computador ou celular. Boa leitura! 

BAIXE O E-BOOK

Mais sobre esse tema

Caixa abrindo

Ideias para se inspirar,
conteúdo para ensinar

  • Expriıências reais de sala de aula;
  • Conteúdos alinhados à BNCC;
  • Metodologias ativas;
  • Textos, vídeos, materiais pedagógicos e moldes;
  • Ideias e relatos de professores como você!
assine por R$19,90