PARA USAR COM OS ALUNOS

Atividade: Uma pesquisa sobre o Carnaval de outros anos e o de 2021

Na sugestão da professora Pamela Ferreira, os alunos são incentivados a entrevistar adultos sobre como os festejos costumam ocorrer em suas cidades e o que está (ou não está) previsto para este ano

Ilustração de lousa com mapa do Brasil e algumas anotações
Ilustração: Julia Coppa/NOVA ESCOLA

O Carnaval tem forte influência na sociedade brasileira. Ele mobiliza a economia, as relações pessoais, os territórios e, dentro de um caldo de influências locais, tem características próprias todos os anos.

Em 2021, a festa popular não será como a dos anos anteriores, por causa do enfrentamento da pandemia de covid-19. Pensando nessa particularidade deste ano, os professores podem desenvolver aulas levando em conta o caráter regional do Carnaval e como serão as comemorações em meio ao isolamento social.

Para a professora Pamela Ferreira, do Time de Autores de NOVA ESCOLA, o aprendizado do aluno é mais intenso e permanente quando há, nas aulas, um senso de pertencimento. “Não é possível saber quem você é sem reconhecer as próprias raízes”, comenta a professora.

Mesmo durante a pandemia, é possível fazer a conexão dos alunos com a história das famílias, dos bairros, das cidades e de como o Carnaval é comemorado em suas manifestações locais.

Autora do plano de aula Festas Populares: Carnaval de Todos os Povos, Pamela sugere no passo a passo abaixo que o aluno entreviste pessoas conhecidas para investigar como a festa é, geralmente, comemorada onde ele vive, e como será celebrada neste ano.

“O aluno vai perceber que a sua festa é diferente da festa de uma região ou de outra. Quando ela consegue identificar características da sua própria comunidade, ela tem também concluído um processo de autoconhecimento”, diz a professora.

divisória atividade

ATIVIDADE: COMO É E COMO SERÁ O CARNAVAL EM SUA CIDADE

A proposta é de que os alunos entrevistem familiares e conhecidos sobre como costuma ser a festa onde moram e como será em 2021


 Indicado para: Turmas de 3º ano

 Materiais: Aplicativos para a realização de questionários (como o Google Forms), computador, internet e jornais locais para a pesquisa sobre o Carnaval deste ano

 Na BNCC: EF03HI02 - Selecionar, por meio da consulta de fontes de diferentes naturezas, e registrar acontecimentos ocorridos ao longo do tempo na cidade ou região em que vive.


PASSO A PASSO

1. Elabore com os alunos perguntas sobre o Carnaval em sua cidade. Em uma plataforma síncrona ou presencial, formule com os estudantes perguntas para que eles entrevistem parentes, vizinhos ou conhecidos sobre como era ou costuma ser o Carnaval em suas cidades. É interessante que as questões procurem entender a diversidade cultural do local e quem são os principais personagens ou blocos e escolas de Carnaval da região. 

PONTO DE ATENÇÃO: Para a consolidação dos questionários, é possível utilizar aplicativos, como o Google Forms, mas também pedir que os alunos anotem as questões em seus cadernos para realizar as entrevistas de forma manuscrita.

2. Peça para que os alunos entrevistem conhecidos. Após ajudar os alunos a elaborarem as perguntas, é hora de incentivá-los a buscar possíveis entrevistados. Por causa da pandemia, é mais seguro que essas entrevistas sejam feitas por áudio por videoconferência, caso os adultos consultados não morem na mesma casa que as crianças. 

PONTO DE ATENÇÃO: Pode ser interessante buscar algum recurso para que as crianças gravem as conversas ou, pelo menos, registrem os principais pontos levantados pelos entrevistados.

3. Pesquisando sobre o Carnaval em 2021. Após a realização de algumas entrevistas, apoie os estudantes em uma pesquisa sobre como será o Carnaval de 2021 em sua cidade. Haverá algum evento on-line? O isolamento social será respeitado? Há planos de que se realize o Carnaval após o fim da pandemia? Essas são algumas questões que devem estar no levantamento.

4. Apresentando os resultados da pesquisa. Na sala de aula ou em uma aula on-line, os alunos vão apresentar o resultado da sua entrevista e da sua pesquisa. No final, eles devem apresentar suas observações e comentar as diferenças e semelhanças entre os carnavais de outros anos e o de 2021. 

5. Comparando os resultados. Ao ouvir os relatos dos outros alunos, o estudante deve refletir sobre quais são os pontos em comum e depois fazer comparações com os carnavais de outras regiões do país, buscando exemplos de como as festas regionais estão fazendo para se adaptar ao período de pandemia.

divisória encerramento

Mais sobre esse tema

Caixa abrindo

Ideias para se inspirar,
conteúdo para ensinar

  • Expriıências reais de sala de aula;
  • Conteúdos alinhados à BNCC;
  • Metodologias ativas;
  • Textos, vídeos, materiais pedagógicos e moldes;
  • Ideias e relatos de professores como você!
assine por R$19,90