Para usar com as famílias

Cuidados com fogo e eletricidade

Confira as orientações para evitar acidentes e saiba o que fazer caso eles aconteçam

Por Rosi Rico

Em 2019, foram 21 mil internações hospitalares de crianças entre 1 a 14 anos por queimaduras. Veja como evitar esse tipo de acidente. Ilustração: Rodrigo Damati/NOVA ESCOLA

Virar panelas que estão no fogão, derrubar café ou chá quente, colocar produto inflamável perto de uma chama, brincar com fósforos, tocar em fio desencapado, empinar pipa na laje e enroscá-lo na fiação elétrica. São muitas as possibilidades para que ocorram acidentes envolvendo fogo e eletricidade dentro de casa. 

Em 2019, foram 21 mil internações hospitalares de crianças entre 1 a 14 anos por queimaduras. O tratamento das feridas, muitas vezes, é longo e doloroso, com sequelas físicas e psicológicas.  As queimaduras mais comuns, segundo informações da ONG Criança Segura, são as escaldantes – causadas por água ou vapor quente – e as térmicas, provocadas por contato direto com fogo ou objetos quentes. A gravidade da ferida vai depender, em geral, do tempo de exposição à fonte de calor, temperatura e espessura da pele, que é mais fina nas crianças. 

Por conta do combate ao novo coronavírus, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) liberou a venda de álcool líquido 70º em mercados, lojas de conveniências e outros pontos de comércio. Com o acesso ampliado, aumentam os riscos de acidentes. “Nossa preocupação dobrou após essa decisão, porque o álcool líquido é muito inflamável e com alta chance de explosão. Os acidentes podem ser mais graves”, afirma Eduarda Marsili, gestora de projetos e políticas públicas da ONG Criança Segura. 

A recomendação dos especialistas é não ter esse tipo de produto em casa. Mesmo a versão em gel deve ficar longe do alcance das crianças. Prefira ensiná-las a maneira adequada de lavar as mãos com água e sabão. 

Para evitar que os acidentes aconteçam 
- Opte por cozinhar nas bocas de trás do fogão e coloque os cabos das panelas virados para dentro. Durante o preparo das refeições, mantenha as crianças longe da cozinha e do fogão.

- Deixe comidas e líquidos quentes no centro da mesa, longe do alcance das crianças. 

- Ao passar roupa ou utilizar outro aparelho que produza calor, não deixe as crianças brincarem por perto. Lembre-se sempre de, quando finalizar o uso, desligar, tirar da tomada e guardar o aparelho longe do alcance dos pequenos.  

- Evite dar brinquedos com elementos de aquecimento, como baterias e tomadas elétricas, para crianças menores de 8 anos.

- Verifique sempre o estado das instalações elétricas. Substitua as fiações antigas e desencapadas. Os fios devem ficar alojados em canaletas e conduítes, escondidos das crianças. 

- Cuidado com eletrodomésticos em mau estado de conservação, como ventiladores e geladeiras. Eles podem causar choque e curto-circuito. Se possível, faça revisões ou a troca desses produtos. 

- Só permita que as crianças empinem pipas em locais sem a presença de fios e postes de eletricidade. Oriente-as quanto aos riscos do uso do cerol e de retirar a pipa caso enrosque na rede elétrica. 

- Guarde fósforos, isqueiros, velas e outros produtos inflamáveis em locais altos e trancados, longe do alcance das crianças. 

- Tome muito cuidado com o álcool (líquido ou gel). Guarde o produto longe do alcance das crianças. O mais seguro é substituir qualquer versão de álcool por outros produtos de limpeza doméstica, como água e sabão. 

- Durante a quarentena, prefira o uso de água e sabão para limpar as mãos das crianças. Se for realmente necessário utilizar o álcool em gel, cuidado para evitar contato com qualquer chama. Nunca deixe o produto exposto na cozinha. 

- Nunca jogue álcool em chamas ou brasas nem utilize este produto para cozinhar. 

- Deixe itens inflamáveis, como roupas, móveis de madeira, jornais e revistas, longe de aquecedores, radiadores ou lareiras. 

- No banheiro, aparelhos elétricos não devem ser mantidos nas tomadas ou ligados após o uso. 

- Se possível, mantenha o botijão de gás do lado de fora da cozinha, com as válvulas de liberação sempre fechadas enquanto o fogão não estiver em uso. 

- Não deixe aquecedores portáteis ao alcance das crianças. 

- Use velas e candeeiros somente em locais com supervisão de um adulto. Garanta que elas não estejam perto de objetos inflamáveis, como isqueiros, acetona, móveis de madeira, cortina, mosquiteiros ou colchões. 

O que fazer caso os acidentes aconteçam
- Coloque a região afetada na água fria e limpe ao máximo o que está provocando a queimadura (comida ou bebida quente, por exemplo). Não coloque nenhum tipo de pomada ou outro produto na queimadura. 

- Se a queimadura for leve (aspecto avermelhado) e não houver bolhas, use compressas frias periodicamente para aliviar a dor. Pode colocar vaselina líquida para hidratar e, se necessário, dar analgésico. 

- Nunca estoure as bolhas formadas após a queimadura. Elas devem ser avaliadas por médicos. Durante o isolamento, verifique se sua cidade, ou seu plano de saúde, tem serviço de telemedicina. Siga as orientações. 

- Para as queimaduras graves, procure um hospital imediatamente. 

- Em caso de choque elétrico, o melhor é procurar serviços de emergência: SAMU (192) ou Bombeiro (193). 

Para colaborar no desenvolvimento de atividades de prevenção, preparamos uma série de cards com as orientações acima. O material pode ser compartilhado com as famílias.

Abaixo, você pode fazer o download dos cards no formato imagem para enviar por WhatsApp ou em PDF:

CARDS PARA WHATSAPP 

BAIXE PDF COM CARDS

Fontes: ONG Criança Segura, Sociedade Brasileira de Pediatria e dra. Tania Zamataro.

Ideias para inspirar, conteúdo para ensinar

Quer ler esse conteúdo? Assine o Nova Escola Box

O Nova Escola Box é um produto digital que auxilia o educador a preparar a sua aula com dicas práticas, materiais de apoio para a sala de aula e textos de formação para os professores da Educação Infantil e do Ensino Fundamental. Toda semana, o assinante recebe uma caixa digital de conteúdo nova e surpreendente.

Já é assinante Nova Escola Box? Faça login aqui!

Leia os conteúdos do Nova Escola Box enquanto estão abertos e aproveite a oportunidade para assinar

ASSINE POR R$19,90/mês
Continue lendo sem assinar

É assinante Nova Escola Box?
Faça login aqui!

Ilustração de um computador e um celular