Apoio:

Para usar com os alunos

Guia de recursos digitais para desenvolver propostas de ABP

Confira seleção de plataformas e aplicativos para facilitar as trocas entre alunos e professores

Professor organizando conteúdo para aula. Ilustração: Estúdio Kiwi/NOVA ESCOLA

O trabalho colaborativo é fundamental nas propostas que utilizam a Aprendizagem Baseada em Projetos (ABP). Se a tecnologia já era uma aliada, esta ganhou ainda mais importância em um período no qual a comunicação não pode ocorrer de maneira presencial. Abaixo, listamos algumas ferramentas digitais gratuitas que podem auxiliar estudantes e professores no processo de desenvolvimento de atividades de ABP. 

Google Classroom
A grande vantagem desta ferramenta está em permitir que os alunos atuem de maneira colaborativa, mesmo remotamente. “Ao centralizar as atividades e materiais em um só lugar, o Google Classroom facilita muito o trabalho em grupo e o seu acompanhamento pelo professor”, diz Renata Capovilla, formadora de professores e sócia da Íntegra Educacional.

Padlet
Funciona como um mural, no qual os alunos podem compartilhar produções em diversos formatos (texto, vídeo, imagens etc) e também comentar nos conteúdos postados por outras pessoas – facilitando, assim, a cocriação de um produto final. “A única desvantagem é que a versão gratuita só possibilita três 'padlets'. Para ultrapassar esse número, é preciso excluir as criações anteriores”, explica Renata.

Flipgrid
É um aplicativo que trabalha exclusivamente com vídeos. O professor coloca uma problemática inicial para que a turma faça uma discussão gravando e compartilhando registros audiovisuais. “O legal é que traz essa linguagem com a qual os alunos têm muita familiaridade e facilidade de se expressar. Afinal, temos hoje uma geração de pequenos youtubers”, comenta Renata. A devolutiva do educador também precisa ser em vídeo, o que deixa as trocas bastante dinâmicas. 

Scracht
Desenvolvido pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT, em inglês), o software gratuito possibilita a criação de animações e jogos, além de outras narrativas interativas por meio da programação. “O Scratch traz uma linguagem bem acessível e permite que professor e aluno interajam de uma maneira mais leve”, indica Daniela Ilhesca, professora da EMEF Arthur Pereira de Vargas.

Mind Node
Possibilita a criação de mapas mentais de maneira simples e prática, ajudando a dar concretude a processos como o de levantamento de ideias. É gratuito, mas está disponível somente em inglês e para o sistema iOS.

Mais sobre esse tema

Caixa abrindo

Ideias para se inspirar,
conteúdo para ensinar

  • Expriıências reais de sala de aula;
  • Conteúdos alinhados à BNCC;
  • Metodologias ativas;
  • Textos, vídeos, materiais pedagógicos e moldes;
  • Ideias e relatos de professores como você!
assine por R$19,90