Para se inspirar

Como organizar a grade de horários dos professores

Organização, diálogo e flexibilidade são essenciais para montar esse quebra-cabeça. Confira algumas dicas

Não deixe para realizar a organização dos horários para a última hora. Ilustração: Pablo Stanley / Humaaans

No Ensino Fundamental 2, o trabalho de montar a grade de horários de todas as turmas, com tantas disciplinas e professores diferentes, exige dos gestores e docentes muita organização e, em alguns casos, muita flexibilidade. O gestor responsável pela tarefa precisa considerar certos fatores, tais como a carga horária obrigatória, a disponibilidade da equipe docente e o uso das salas e demais ambientes compartilhados, como laboratórios e quadras.

O primeiro passo é definir qual dos gestores será o responsável por isso. Na maioria dos casos, fica a cargo do coordenador pedagógico, mas nada impede que outro profissional da escola se ofereça para ajudá-lo. Com base nisso, estabeleça um prazo para que a primeira versão da grade seja montada e encaminhada para a equipe, uma data para que eles peçam possíveis alterações e outra em que será disponibilizada a grade definitiva. Não deixe para realizar essa tarefa na última hora!

Para começar a montar os horários, o gestor precisa perguntar para todos os professores quais são suas restrições de dias e horários. Eles poderão também informar sobre suas preferências, mas é importante que saibam que nem todos os pedidos serão atendidos. A maior dificuldade está no fato de que muitos profissionais atuam em mais de uma escola e precisam distribuir seu tempo, esforço e atenção entre duas ou mais instituições. Nesses casos, é indispensável considerar o tempo de deslocamento de uma escola para outra também. Esse e outros pontos que interfiram na montagem da grade devem ser informados previamente pelos profissionais.

Caso haja conflitos de horários entre os docentes e o gestor não consiga solucioná-los sozinho, será preciso chamar os envolvidos para uma conversa, ocasião na qual a questão deverá ser resolvida. Caso o problema seja o choque de horários de um professor com as aulas que precisa dar em uma segunda instituição, entre em contato com o gestor da outra escola para conversar a respeito. Uma dica para reorganizar as aulas é começar mexendo nos horários dos professores que passam todo o período na escola, como os de Língua Portuguesa e Matemática.

Questões que dizem respeito direto aos estudantes também precisam ser consideradas. Por exemplo: ter três aulas seguidas de uma mesma disciplina pode ser bastante cansativo e não muito produtivo. Outra situação: se cada aula do dia for de uma disciplina diferente, se todos os professores exigirem que os alunos levem o livro didático e também se a escola não disponibilizar armários para todos, o peso que eles terão de carregar será grande e potencialmente perigoso à saúde. Portanto, evite esse tipo de combinação.

Lembre-se de que durante o ano letivo mudanças temporárias ou definitivas também podem ocorrer: licença-maternidade, férias-prêmio, licença médica, aposentadoria e a chegada de novos professores. Tudo isso pode afetar a grade, exigindo que a atenção a ela seja dada não apenas no início do ano.



Em resumo: 

1. Defina quem da gestão escolar ficará responsável pela organização;

2. Estabeleça um prazo para montar a primeira versão da grade e encaminhá-la para a equipe;

3. Descubra previamente as restrições de dias e horários dos professores;

4. Mudanças acontecem, por isso, fique de olho na grade ao longo do ano.



Ferramentas digitais 

Mesmo com essas dicas, organizar os horários ainda pode ser uma tarefa maçante e complicada. Mas, graças à tecnologia, educadores têm agora algumas ferramentas para ajudá-los. Papel e caneta continuam sendo uma opção, mas há programas que podem otimizar esse trabalho.

Power Cubus e Cronos são dois programas bastante parecidos entre si e que permitem cadastrar professores, registrar sua carga de trabalho, restrições e horas-atividade. Também é possível mandar notificações para que eles interajam com o sistema. Depois que essas e outras preferências forem configuradas, os programas montam e exibem a grade de horários solicitada. É possível consultar as grades das turmas, dos professores e de cada sala. Ambos os programas são pagos, mas oferecem opções mais simples e limitadas com acesso gratuito.

Ideias para inspirar, conteúdo para ensinar

Continue lendo conteúdos exclusivos com acesso ilimitado

Assine o Nova Escola Box e veja sugestões de atividades para aulas remotas e presenciais.

Apenas R$15,90 por mês

Já é assinante Nova Escola Box? Faça login aqui!