Para usar com os alunos

Sugestão de atividade: O diário escrito

Com o uso de recursos como o WhatsApp e aplicativos de transmissão de vídeo, é possível propor que as crianças produzam relatos

Ilustração: Julia Coppa/NOVA ESCOLA

Construção do sistema alfabético, convenções da escrita, progressão temática e paragrafação são alguns dos objetivos de aprendizagem a serem alcançados pela leitura e escrita de diários. “Para além de conhecer mais sobre o cotidiano do estudante, é possível trabalhar vários conteúdos e fazer diagnósticos através do trabalho com diários pessoais. É uma atividade muito rica”, comenta Valéria da Silveira, do Time de Autores NOVA ESCOLA.

Em meio ao isolamento social e à paralisação das aulas presenciais causada pelo coronavírus, é preciso adaptar o modo de ensinar, compartilhar e produzir esse tipo de texto em um contexto pedagógico. Com a ajuda de Valéria, adaptamos um plano de aula produzido por ela para ser aplicado no contexto do ensino a distância. 

Indicado para: 3º ano
Materiais: Computador on-line, lápis, canetas coloridas, caderno ou folhas avulsas
Espaço: Local dentro de casa onde o aluno se sinta confortável para escrever

PASSO A PASSO

1. Faça o convite: por meio do WhatsApp ou outra ferramenta de contato virtual com as famílias, diga que você deseja que todos comecem a escrever um diário pessoal. Para isso, cada um deverá separar um caderno, agenda, bloquinho ou folhas avulsas destinadas para essa finalidade. Caso queiram, eles também poderão utilizar lápis e canetas coloridas, adesivos e outros materiais para ilustrar o diário.  

2. Apresente exemplos de diários: antes de iniciar a própria escrita, é essencial que eles conheçam o gênero. Selecione obras adequadas para a idade e compartilhe-as na íntegra ou escolha trechos pré-selecionados (nesta caixa, você encontra boas referências aqui). Caso seja possível, realize a leitura com os alunos por meio de videochamada ou mensagem de áudio. Do contrário, peça que eles leiam com algum familiar ou responsável.  

3. Explique a estrutura textual: utilizando um dos exemplos apresentados, dê informações sobre o gênero e aponte quais são seus elementos essenciais (tema, interlocutor, forma, diagramação, linguagem). Essa explicação pode ser dada por escrito - puxe setas a partir da página de um diário e escreva o conteúdo, de forma resumida, em um balãozinho ao lado do texto. Você também pode fazer isso em uma videochamada ou enviar o material em fotos ou apresentação de slides.

4. Convide-os para escrever: cada um deverá começar a escrever seu próprio diário pessoal, levando em consideração a estrutura que você apresentou. Explique também que, além dos textos íntimos, gostaria que cada um escrevesse um relato em seu diário que possa ser compartilhado com a turma. 

5. Incentive a criação de um blog ou página para compartilhamento: para que todos possam saber como está sendo a quarentena dos colegas, sugira que alguns relatos sejam compartilhados por meio de alguma plataforma on-line. Ao receber o relato de cada estudante, realize as revisões gramaticais necessárias e envie uma devolutiva individual incentivando e fazendo perguntas para que o aluno possa escrever mais e melhor. Por fim, publique-o.

Essa sugestão de atividade foi adaptada do plano de aula Diário: produção textual, que faz parte de uma sequência didática.


Diante da pandemia do coronavírus, este conteúdo está aberto para todos os nossos leitores. Outros temas do Nova Escola Box são exclusivos para assinantes, caso queira ler mais e ainda não tenha uma assinatura, clique no botão abaixo e conheça nossos planos :)

Quero Assinar!

Mais sobre esse tema

Caixa abrindo

Ideias para se inspirar,
conteúdo para ensinar

  • Expriıências reais de sala de aula;
  • Conteúdos alinhados à BNCC;
  • Metodologias ativas;
  • Textos, vídeos, materiais pedagógicos e moldes;
  • Ideias e relatos de professores como você!
assine por R$19,90